Dólar Comercial compra R$ 4,3895 venda R$ 4,39 máxima 4,4064
Euro compra R$ 4,7609 venda R$ 4,7627 máxima 4,7714
23 Fev - 09h44
domingo, 23 de fevereiro de 2020
Vale ITV Galeria
Vale ITV mobile
EDUCAÇÃO

Curso de medicina da Uepa em Santarém pode parar e alunos apelam ao governo

09 Out 2019 - 13h15Atualizado 10 Out 2019 - 12h07
Curso de medicina da Uepa em Santarém pode parar e alunos apelam ao governo - Crédito: Agência Pará/Divulgação Crédito: Agência Pará/Divulgação

Alunos do curso de medicina da Universidade do Estado do Pará (Uepa) de Santarém denunciaram nesta semana a falta de professores na instituição. Eles relatam que a coordenação tem feito muito esforço para "tapar os buracos".

O Centro Acadêmico de Medicina da Uepa publicou uma nota de repúdio nas redes sociais em que denuncia a não contemplação de vagas para o Campus de Santarém no Edital 74/2019 para contratação de professores.

"Neste ano de 2019, ficou insuportável a conjuntura e algumas matérias ficam, inclusive, sem serem cursadas adequadamente", denuncia o presidente do Centro Acadêmico, Gabriel Ribas.

Por conta da ausência de professores, para os acadêmicos, não há como o curso de medicina continuar fazendo vestibular para novas turmas.

"Um dos medos que ficam disso é: será que os alunos aprovados no próximo Prosel (listão) conseguirão ingressar no curso? Ora, se não se é possível sequer manter os alunos que já se tem, conseguir-se-á manter novos?! Que esta reflexão fique aos milhares de vestibulandos que prestarão o Enem 2019 e sonham com a vaga na UEPA, assim como aos seus milhares de familiares, que muitas vezes desdobram esforços absurdos para manter este sonho em seus amados vestibulandos- sonho que pode ser adiado pela má administração pública", questiona a nota.

"Este descaso com a educação e saúde pública é culpa da Assembleia Legislativa do Estado do Pará e, sobretudo, é culpa do Governo do Estado do Pará. Hoje, a Uepa não consegue dispor o mínimo de qualquer sistema educacional, os professores, aos discentes que existem nesta Universidade", reclamam os alunos.

"Ao Governador Helder Barbalho, à Reitoria da UEPA e à ALEPA, fica o pedido (e desafio): prove-nos que estamos enganados; prove-nos que estão engajados! Sejam, de fato, o Governo Por Todo O Pará e publiquem um concurso público com os percalços que Santarém (e os demais interiores) precisa. Respeitem o interior", pede o Centro Acadêmico.

A Universidade do Estado do Pará (Uepa) se posicionou e informou que fará a substituição de professores após a conclusão do concurso público para docentes do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS) que está com inscrições abertas para provimento de vagas a partir de 2020.

Desde 2011, a Uepa avalia com a Sead a ampliação do quadro efetivo de servidores, uma vez que o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) da Universidade data de 2006. A Uepa trabalha conjuntamente com a Secretaria de Estado de Administração (Sead) na reestruturação que proporcionará a criação de novas vagas para os cargos destinados também aos técnicos-administrativos. 

Ainda segundo a instituição, a situação ficou acordado em reunião no mês de agosto deste ano com discentes do curso de Medicina, o Reitor da Uepa, Rubens Cardoso, a secretária de Adminitraçao, Hana Ghassan, e o Governador do Estado do Pará, Helder Barbalho, que seriam remanejadas vagas de professores que estavam em processo de aposentadoria para os departamentos com menos professores, buscando o cumprimento das exigências legais para realização de concurso.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Veja como fica o funcionamento da Grande Belém no Carnaval
PROGRAME-SE

Veja como fica o funcionamento da Grande Belém no Carnaval

23/02/2020 05:00
Veja como fica o funcionamento da Grande Belém no Carnaval
Fevereiro roxo: saiba mais sobre fibromialgia uma doença silenciosa e muito fácil de ser confundida
ALERTA DA SAÚDE

Fevereiro roxo: saiba mais sobre fibromialgia uma doença silenciosa e muito fácil de ser confundida

23/02/2020 04:58
Fevereiro roxo: saiba mais sobre fibromialgia uma doença silenciosa e muito fácil de ser confundida
Mulher morre após ser atropelada em Ananindeua
ACIDENTE FATAL

Mulher morre após ser atropelada em Ananindeua

22/02/2020 23:00
Mulher morre após ser atropelada em Ananindeua
Presídios paraenses passam por rondas intensivas no Carnaval
SEGURANÇA

Presídios paraenses passam por rondas intensivas no Carnaval

22/02/2020 22:00
Presídios paraenses passam por rondas intensivas no Carnaval
Cinco pessoas são presas após furtarem televisores de carga que tombou em Irituia
INVESTIGAÇÃO

Cinco pessoas são presas após furtarem televisores de carga que tombou em Irituia

22/02/2020 21:21
Cinco pessoas são presas após furtarem televisores de carga que tombou em Irituia
Últimas Notícias