Dólar Comercial compra R$ 4,3938 venda R$ 4,394 máxima 4,3939
Euro compra R$ 4,7462 venda R$ 4,7473 máxima 4,7546
21 Fev - 07h25
sexta, 21 de fevereiro de 2020
Vale ITV Galeria
Unique_mobile
INTERVENÇÃO

MPF recomenda suspensão urgente do licenciamento de terminal portuário em Santarém

13 Set 2019 - 10h20Atualizado 13 Set 2019 - 10h21
MPF recomenda suspensão urgente do licenciamento de terminal portuário em Santarém - Crédito: Reprodução / MPF-PA Crédito: Reprodução / MPF-PA

O Ministério Público Federal (MPF) solicitou nesta quinta-feira, 12, à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará (Semas) a suspensão imediata das licenças prévias e da instalação e licenciamento ambiental do terminal portuário de uso privado da empresa Atem’s Distribuidora de Petróleo no Lago do Maicá, em Santarém, no oeste do estado.

A recomendação do MPF é de que a suspensão entre em vigor até que seja realizada a consulta prévia, livre e informada aos grupos diretamente afetados pelo projeto do terminal portuário tais com: povos indígenas, comunidades quilombolas e pescadores artesanais.

As licenças foram emitidas pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará sem que antes tivesse sido realizada a consulta prévia as comunidades locais. 

O MPF pediu à Semas, ainda, informações sobre se a Fundação Nacional do Índio (Funai), a Fundação Cultural Palmares (FCP) e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) foram notificados para apresentação de termo de referência, conforme preconiza a Portaria Interministerial 60/2015.
A realização da consulta é uma determinação da Convenção nº 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), assinada pelo Brasil e válida em todo o território nacional desde 2003.

O Lago do Maicá, local onde o terminal portuário deve ser construído é tradicionalmente utilizado por indígenas, quilombolas e pescadores artesanais, especialmente para atividade pesqueira e de navegação. A obra está próxima a diversos territórios tradicionalmente ocupados por esses grupos. 

Tendo em vista que se trata de um terminal portuário destinado à exportação de petróleo ou derivados, o Ministério Público Federal  também questionou a Semas sobre a existência de plano para situações emergenciais de vazamento.

Caso a recomendação da suspensão das licenças não for atendida, o MPF pode tomar outras medidas, incluindo a de levar o caso à Justiça Federal.


Fonte: Ascom/MPF-PA

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Frio devido as chuvas causa câimbras nos paraenses. Saiba o que fazer!
SAÚDE

Frio devido as chuvas causa câimbras nos paraenses. Saiba o que fazer!

21/02/2020 05:00
Frio devido as chuvas causa câimbras nos paraenses. Saiba o que fazer!
Chuvas devem se intensificar ainda mais nos próximos dias
‘Inverno amazônico’

Chuvas devem se intensificar ainda mais nos próximos dias

21/02/2020 05:00
Chuvas devem se intensificar ainda mais nos próximos dias
Com que roupa eu vou nesse Carnaval? Ouça!
ÉGUA DO PAPO

Com que roupa eu vou nesse Carnaval? Ouça!

21/02/2020 04:58
Com que roupa eu vou nesse Carnaval? Ouça!
MPF pede à Justiça que mais uma fazenda em Marabá seja bloqueada por ocupar terras da União
NO PARÁ

MPF pede à Justiça que mais uma fazenda em Marabá seja bloqueada por ocupar terras da União

20/02/2020 20:58
MPF pede à Justiça que mais uma fazenda em Marabá seja bloqueada por ocupar terras da União
Mulher é morta a facadas pelo companheiro em Canaã dos Carajás
BRUTALIDADE

Mulher é morta a facadas pelo companheiro em Canaã dos Carajás

20/02/2020 20:30
Mulher é morta a facadas pelo companheiro em Canaã dos Carajás
Últimas Notícias