Dólar Comercial compra R$ 4,0054 venda R$ 4,0062 máxima 4,0080
Euro compra R$ 4,4420 venda R$ 4,4433 máxima 4,4449
17 Ago - 10h12
sábado, 17 de agosto de 2019
Unique
Jorge e Mateus Unico mobile
NOVIDADE

Pipas ajudam no tratamento de crianças internadas no Hospital Metropolitano

12 Jun 2019 - 07h11Atualizado 12 Jun 2019 - 11h34
Pipas ajudam no tratamento de crianças internadas no Hospital Metropolitano -

Julho está na porta e a prática de soltar pipas já começou. Dia ensolarado, vento e poucas nuvens no céu, é a situação perfeita para isso e os olhos dos pequenos pacientes brilham de ansiedade. A expectativa é para colocar as pipas no ar, uma brincadeira simples, mas que faz muita diferença no tratamento das crianças.Escreva a legenda aqui

Em outra sala, parte da equipe dos setores Psicossocial, Humanização e Reabilitação do Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) arrumou as pipas doadas por um vendedor da comunidade, que fez questão de ajudar quando soube que o brinquedo. construído com tala, linha e plástico, traria alegria aos pacientes.

Foto: Dayane Baía /Ascom HMUE

O que parece só diversão, na verdade é tratamento sugerido pela equipe, ao acompanhar a evolução das crianças. De acordo com a terapeuta ocupacional, Ivana Castro, com o tempo, os pacientes ficam mais resistentes aos tratamentos e não querem atender às orientações. O tratamento com a pipa é a forma de dar autonomia e independência para as crianças.

Antônio José Oliveira, 11 anos, fraturou o braço ao cair de um jambeiro. O acidente não diminuiu a energia do menino. A mãe do menino explicou que agora, com esse tratamento, ele sai da enfermaria, coisa que ele não fazia antes.

De acordo com a psicóloga Elzelis Rodrigues, os resultados se refletem também nos acompanhantes. Para ela, é uma maneira de reduzir um pouco a preocupação de pais ou responsáveis por crianças em tratamento.

Referência no tratamento de média e alta complexidade em traumas e queimados para a Região Norte pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência dispõe de 198 leitos operacionais nas especialidades de traumatologia, cirurgia geral, neurocirurgia, clínica médica, pediatria, cirurgia plástica exclusivo para pacientes vítimas de queimaduras e leitos de UTI.

O HMUE recebe pacientes da Região Metropolitana de Belém, de outros municípios do Pará e até de outros estados. Em 2018, realizou mais de meio milhão de atendimentos, entre internações, cirurgias, exames laboratoriais e de imagem, atendimentos multiprofissionais e consultas ambulatoriais.

Com informações da Agência Pará.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Coronel da PM sofre sequestro relâmpago em Belém
SEGURANÇA

Coronel da PM sofre sequestro relâmpago em Belém

17/08/2019 08:58
Coronel da PM sofre sequestro relâmpago em Belém
Diretores do Ideflor passam cinco dias em Ilha Bela (SP) com verba pública
FARRA

Diretores do Ideflor passam cinco dias em Ilha Bela (SP) com verba pública

17/08/2019 05:00
Diretores do Ideflor passam cinco dias em Ilha Bela (SP) com verba pública
Evento promove a inclusão de pessoas com necessidades especiais em Mosqueiro
ACESSIBILIDADE

Evento promove a inclusão de pessoas com necessidades especiais em Mosqueiro

17/08/2019 04:59
Evento promove a inclusão de pessoas com necessidades especiais em Mosqueiro
Site conecta mulheres da construção civil e público feminino que precisa de reparos domésticos
EMPODERADAS

Site conecta mulheres da construção civil e público feminino que precisa de reparos domésticos

17/08/2019 04:58
Site conecta mulheres da construção civil e público feminino que precisa de reparos domésticos
Suspeitos de envolvimento em assalto com reféns são presos em Novo Repartimento
MANHÃ DE TERROR

Suspeitos de envolvimento em assalto com reféns são presos em Novo Repartimento

16/08/2019 20:25
Suspeitos de envolvimento em assalto com reféns são presos em Novo Repartimento
Últimas Notícias