PF cumpre mandados de busca e apreensão contra empresários de Castanhal suspeitos de crime ambiental

A Poícia Federal do Pará cumriu dois mandados de busca e apreensão na casa de um casal de empresários, em Castanhal, na Grande Belém, durante a operação “Canguera” deflagrada nesta quinta-feira, 21. Os alvos da operação são responsáveis pela empresa que extraiu e transportou madeira ilegalmente no...

Publicado em 26 de junho de 2024 às 12:26

A Poícia Federal do Pará cumriu dois mandados de busca e apreensão na casa de um casal de empresários, em Castanhal, na Grande Belém, durante a operação 'Canguera' deflagrada nesta quinta-feira, 21. Os alvos da operação são responsáveis pela empresa que extraiu e transportou madeira ilegalmente no município de Portel, arquipélago do Marajó, em 2022.

Celulares e documentos foram apreendidos e serão analisados para se colher provas sobre o caso. A investigação partiu de uma fiscalização conjunta entre a PF e o Ibama no ano passado. Na ocasião, foram flagradas duas embarcações usadas para transporte de madeira extraída ilegalmente de local não permitido – o igarapé Canguera, que dá nome à operação. Na ocasião, foram destruídos maquinários usados no crime e apreendidos aparelhos celulares.

Se confirmada a hipótese criminal, os investigados poderão ser condenados a até 5 anos de prisão.

Com informações da PF