Saiba os riscos de realizar ligações clandestinas de energia; confira

A ligação clandestina, popularmente conhecida como “gato”, é uma prática que interfere no bom fornecimento de energia elétrica, além de colocar em risco a população, pois conexões feitas de maneira irregular não correspondem aos padrões de segurança da Equatorial Pará, o que pode causar acidentes graves e até fatais....

Publicado em 26 de junho de 2024 às 09:10

A ligação clandestina, popularmente conhecida como 'gato', é uma prática que interfere no bom fornecimento de energia elétrica, além de colocar em risco a população, pois conexões feitas de maneira irregular não correspondem aos padrões de segurança da Equatorial Pará, o que pode causar acidentes graves e até fatais.

Isso acontece porque, além de ser perigoso para quem se propõe a realizar instalações sem treinamento e equipamentos de segurança, também ameaça a segurança de quem usa o serviço por meio de instalação irregular. O 'gato' também pode sobrecarregar a rede elétrica, causando oscilações, falta de energia ou até incêndios.

É válido ressaltar que, além de oferecer riscos à vida, furto de energia é crime previsto nos termos do artigo 155 do Código Penal Brasileiro e a pena pode variar de 1 a 4 anos de reclusão.

A técnica em segurança do trabalho da Equatorial Pará, Elizabete Macedo, destaca a importância de seguir as regras e manter os cuidados. 'As ligações na rede elétrica só devem ser realizadas pelos nossos profissionais que são capacitados e autorizados, que seguem padrões de segurança para evitar acidentes. Por isso é importante não realizar ligações clandestinas e denunciá-las pelos nossos canais oficiais', reforça Elizabete.

Clientes que identificarem irregularidades podem realizar a denúncia por meio dos canais de atendimento da Equatorial Energia Pará, como a Central de Atendimento pelo 0800 091 0196, pelo site www.equatorialenergia.com.br ou, presencialmente, nas agências.