Dólar Comercial compra R$ 4,197 venda R$ 4,1977 máxima 4,2085
Euro compra R$ 4,6549 venda R$ 4,6565 máxima 4,673
21 Jan - 14h53
terça, 21 de janeiro de 2020
Unique
ALMOÇO DO CÍRIO

Chef Karla Oliveira inova na receita tradicional do pato no tucupi e apresenta o Pirão de Pato

08 Set 2019 - 05h00Atualizado 08 Set 2019 - 05h05Por Lissa de Alexandria
Chef Karla Oliveira inova na receita tradicional do pato no tucupi e apresenta o Pirão de Pato - Crédito: Lissa de Alexandria/Roma News Crédito: Lissa de Alexandria/Roma News

Maniçoba, vatapá, caruru, arroz paraense, pato no tucupi e muitas outras iguarias paraenses estão presentes no almoço do Círio de Nazaré, e também se torna o almoço e o jantar das famílias na semana posterior à festividade. Mas que tal inovar e surpreender a família? Hoje, a Chef Karla Oliveira, dá a dica para dar uma outra cara ao pato no tucupi, fazendo um pirão de pato.

“A ideia surgiu de um desafio do Sebrae, no ano passado, quando devíamos apresentar uma receita inédita para a Feira Pará Negócios. Como o evento ficava perto do Círio, pensamos no pato e, para agregar, na farinha de mandioca e no tucupi”, conta Karla.

“Fizemos o pirão com o pato desfiado sem gordura e sem osso com a farinha de mandioca, com o tucupi para dar a liga do pirão, chicória e pimenta. O segredo para dar um sabor a mais é colocar uma pitada de cachaça de jambu, para dar aquela dormência, mas é uma quantidade muito pequena que o álcool não fica perceptível, até porque usamos a cachaça gourmet”, acrescenta.

Acompanhe a receita:

Foto: Lissa de Alexandria/Roma News

Ingredientes

Tucupi

Cebolinha

Jambu

Farinha

Pato

1 Dente de alho

Chicória

Cebola

Pimenta

Azeite

Cachaça de Jambu Gourmet

 

Modo de preparo

Coloque um fio de azeite em uma panela em fogo médio. Reúna os temperos: alho, chicória, cebola e o tucupi. Em seguida, inclua o pato (congelado ou não), que leva o mesmo tempero que está na panela.

Foto: Lissa de Alexandria/Roma News

Em outro recipiente, faça o pirão: um fio de azeite, farinha de mandioca (dica: pode ser a farinha comum, porém a de mandioca deixa a receita mais saborosa), adicione o tucupi e mexa até formar a papa. A ideia é deixar grãos da farinha moles e duros. Reserve.


Foto: Lissa de Alexandria/Roma News

Na mistura com o pato, acrescente jambu e a cachaça de jambu gourmet (possui o sabor do jambu mais acentuado).

Adicione o pirão à mistura do pato e mexa. Se quiser, acrescente mais tucupi, cachaça ou outros temperos que preferir.

Se quiser deixar o prato mais bonito, decore com cebolinha.

 

Ao fazer a receita, é possível produzir um bolinho de pato também, que pode ser oferecido como entrada no almoço do Círio ou como reaproveitamento do pato, após a festividade, indica o auxiliar da Chef, Victhor Costa.

 

*Quantidade de ingredientes utilizada para um prato

Agradecimentos:

Restaurante Cantinho do Pará

Chef Karla Oliveira

Victhor Costa

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário