Dólar Comercial compra R$ 4,0273 venda R$ 4,0298 máxima 4,0555
Euro compra R$ 4,4635 venda R$ 4,4678 máxima 4,5034
21 Ago - 17h12
quarta, 21 de agosto de 2019

BORA PRA CIMA

Na contra-mão nacional, Pará se destaca em inovação, ciência e tecnologia

20 Mai 2019 - 14h49Por Igor Fonseca

 

Projetos de Lei aprovados, editais abertos, ideias que deram certo. Celeiro de criatividade no Estado transforma professores em empresários e anima quem insiste em apostar no setor.

 

Em 2014, o empresário Walter Junior direcionou os anos de estudo e muito do empenho pessoal para a elaboração de ferramentas que pudessem facilitar a vida de quem ensina e aprende nas salas de aula. Criou, com um grupo de professores, uma empresa de tecnologia para a educação que, em dois anos, já alcançou mais de 102 mil alunos e nove mil professores com o Matematicando, um dos produtos criados pela equipe para melhorar os índices de uma disciplina temida por natureza.

Foto: Walter Junior - Empreendedor responsável pelo desenvolvimento de novas tecnologias.

A empresa criada por eles funciona, atualmente, no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá). Criado pela Universidade Federal do Pará (UFPA), o espaço reune cientistas, empresários, professores, alunos e pesquisadores num único local. Uma espécie de cérebro coletivo, que permite experiências fantásticas na troca de conhecimento e na diminuição das distâncias entre academia e comunidade, permitindo um uso prático e efetivo do que é desenvolvido nas universidades.

 

“Entendíamos que só valeria a pena inovar em ciência e tecnologia se conseguíssemos alcançar a ponta final do processo: as pessoas. Não há vitória científica sem que haja benefícios para a sociedade”, destacou Walter, que hoje representa o Google no Norte do país graças aos produtos desenvolvidos pela equipe que ele gerencia. Novos Walters estão por surgir a qualquer momento, já que o edital para a prospecção de empresas semelhantes foi aberto recentemente pelo PCT Guamá.

 

Outra vitrine para as mentes criativas será a Semana Estadual de Inovação, Ciência e Tecnologia, prevista para a segunda quinzena do mês que vem. O evento foi criado por meio da Lei 36/2018, de autoria do deputado estadual Dirceu Ten Caten (PT), aprovada em redação final pela Assembleia Legislativa do Estado (Alepa) e sancionada em março deste ano pelo governador Helder Barbalho. Durante uma semana, pesquisadores e comunidade estarão interligados por meio de palestras, exposições e rodadas de negócios.

 

"Estou otimista com as possibilidades que essa iniciativa pode criar. Podemos, a partir da união entre Parlamento, Academia e Governo do Estado, potencializar as áreas de inovação, ciência e tecnologia transformando-as em instrumentos de inclusão social e geração de emprego, renda e novas oportunidades”, pontuou Ten Caten, que em 2018 percorreu o Estado realizando Audiências Públicas como presidente da Comissão de Estudos pela Reforma do Ensino Médio.

 

Na contra-mão - O Pará desponta no incentivo à inovação, ciência e tecnologia num momento em que estes setores, em âmbito nacional, sofrem com perdas expressivas. O contigenciamento de quase R$ 30 bilhões do orçamento federal deste ano fez com que a educação sofresse um corte de quase R$ 6 bilhões, comprometendo definitivamente o ensino e a pesquisa de centros de referência como o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que garante o pagamento de bolsas de incentivo somente até junho deste ano.

 

Por outro lado, o edital para prospeção de novas empresas, startups e empreendedores com potencial para ocupar os espaços do PCT Guamá estão continuam abertos e recebendo cada vez mais inscrições. As chamadas são voltadas para instituições e empresas dedicadas a atividades científico-tecnológicas, de pesquisa, desenvolvimento e inovação, empresas de base tecnológica ou de impacto socioambiental. No local é possível ocupar salas já prontas ou adquirir lotes para construção de prédios.

 

“Os empreendimentos que procuram e se instalam no Parque intensificam seus negócios ou os transformam em negócios de base tecnológica, pautados na inovação e tecnologia para melhorar seus processos, produtos ou serviços, agregando valor, escalando mercados, gerando emprego e renda para o estado de forma sustentável”, explica Milkson Campelo, coordenador de prospecção do PCT Guamá.

 

Quando ocupou uma das salas do espaço em 2015, o empresário Walter Junior sabia que ganharia em norrow e experiência. Com a ajuda dos parceiros criou um óculos de realidade virtual feito a partir do Miriti, palmeira típica da Amazônia, que já se tornou notícia e referência de sustentabilidade em várias partes do país. Hoje se orgulha de possuir convênios com duas universidades norte-americanas, ambas na Califórnia, onde fica a sede do Google, na área de inovação tecnológica voltada para a educação.

 

“Os incentivos à pesquisa e inovação tecnológica levam a esse tipo de reconhecimento. Seria impossível romper tantas fronteiras sem a parceria de quem vê na pesquisa a possibilidade de melhorar o mundo. Há espaços para muitas mentes brilhantes no Estado. Basta incentivo.”, reitera Walter.

 

Em outro Projeto de Lei também aprovado pela Alepa - este de Indicação - o deputado estadual Dirceu Ten Caten propõe que o Estado crie o Fundo Estadual de Ciência e Tecnologia. A ideia é vista com bons olhos pela Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Sectet), que tem disponibilizado, na internet, o Plano Diretor 2015-2019 da Pasta. “Tratam-se de projetos que nasceram a pedido das próprias universidades e que têm na união de forças o caminho para consolidar o Estado como centro de pesquisa, desenvolvimento e inovação no Norte do país”, Concluiu Dirceu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil e Reino Unido assinam cooperação para facilitar comércio
ECONOMIA

Brasil e Reino Unido assinam cooperação para facilitar comércio

há 5 minutos atrás
Brasil e Reino Unido assinam cooperação para facilitar comércio
Poucas e Boas

OPORTUNIDADE

há 12 minutos atrás
Novo álbum de Jaloo é lançado em setembro e tem participações de paraenses
NOVIDADE

Novo álbum de Jaloo é lançado em setembro e tem participações de paraenses

há 12 minutos atrás
Novo álbum de Jaloo é lançado em setembro e tem participações de paraenses
Presidente da Alepa está perto de anunciar novo partido e não descarta disputar prefeitura de Ananindeua em 2020
ENTREVISTA ROMA NEWS

Presidente da Alepa está perto de anunciar novo partido e não descarta disputar prefeitura de Ananindeua em 2020

há 15 minutos atrás
Presidente da Alepa está perto de anunciar novo partido e não descarta disputar prefeitura de Ananindeua em 2020
Dupla paraense conquista prata no Circuito Brasileiro Vôlei de Praia
ORGULHO

Dupla paraense conquista prata no Circuito Brasileiro Vôlei de Praia

há 18 minutos atrás
Dupla paraense conquista prata no Circuito Brasileiro Vôlei de Praia
Últimas Notícias