Dólar Comercial compra R$ 5,3124 venda R$ 5,3158 máxima 5,3481
Euro compra R$ 6,4417 venda R$ 6,4468 máxima 6,4827
19 Jan - 14h50
terça, 19 de janeiro de 2021
MAGAZAN CAFÉ - DESK - 19/01
MAGAZAN CAFÉ - MOB - 19/01
LEVANTAMENTO

Pandemia: 82% dos dentistas continuaram atendimento, diz pesquisa

A odontologia é considerada uma das profissões com maior risco de contágio por covid-19 devido à proximidade de contato com pacientes

28 Jul 2020 - 19h00Atualizado 28 Jul 2020 - 18h46Por Redação
Pandemia: 82% dos dentistas continuaram atendimento, diz pesquisa - Crédito: Divulgação/Prefeitura Municipal de Santarém Crédito: Divulgação/Prefeitura Municipal de Santarém

Pesquisa feita pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO) com 40 mil cirurgiões-dentistas entre os dias 25 de junho e 3 de julho revelou que 82% desses profissionais continuam exercendo a odontologia durante a pandemia do novo coronavírus, mas seguindo os cuidados de biossegurança recomendados pela entidade.

Desse total, 72% disseram que continuaram trabalhando com as restrições exigidas, entre as quais alteração do horário de atendimento, menor número de auxiliares, prioridade para urgências e emergências; 10% afirmaram continuar trabalhando sem qualquer tipo de restrição; e 18% interromperam os trabalhos nesse período. O Presidente do CFO, Juliano do Vale, afirmou que essa é a primeira vez na história do Sistema Conselhos que o trabalho foi feito nessa escala.

O Brasil tem quase 340 mil cirurgiões-dentistas com inscrição ativa. Todos foram ouvidos e, desses, 40 mil participaram da consulta. “A partir daí, tivemos a oportunidade de analisar o cenário atual e propor melhorias de acordo com as necessidades e particularidades de cada região do país”, disse Vale.

O presidente do CFO considera que os cirurgiões-dentistas e suas equipes de auxiliares e técnicos “são os profissionais mais aptos à retomada do trabalho, frente à crise sanitária enfrentada atualmente no país, considerando o conhecimento em biossegurança adquirido em ambiente acadêmico e fortalecido neste momento”.

A odontologia é considerada uma das profissões com maior risco de contágio por covid-19 devido à proximidade de contato com pacientes, saliva e sangue, indica a pesquisa da UFPEL.

*Fonte: Agência Brasil

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 98469-4559ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com mais de 40 milhões de vacinas aplicadas no mundo, Brasil aparece pela primeira vez no ranking
COMBATE À PANDEMIA

Com mais de 40 milhões de vacinas aplicadas no mundo, Brasil aparece pela primeira vez no ranking

18/01/2021 12:38
Com mais de 40 milhões de vacinas aplicadas no mundo, Brasil aparece pela primeira vez no ranking
Ministério da Saúde indica que vacina da Pfizer está fora do perfil desejado para o Brasil
COVID-19

Ministério da Saúde indica que vacina da Pfizer está fora do perfil desejado para o Brasil

01/12/2020 16:54
Ministério da Saúde indica que vacina da Pfizer está fora do perfil desejado para o Brasil
Governo do Pará alega baixa ocupação e encerra atividades de Hospital de Campanha em Marabá
PANDEMIA

Governo do Pará alega baixa ocupação e encerra atividades de Hospital de Campanha em Marabá

01/12/2020 09:04
Governo do Pará alega baixa ocupação e encerra atividades de Hospital de Campanha em Marabá
Campanhas de vacinação contra pólio e sarampo são prorrogadas até 20 de dezembro
EM TODO O PARÁ

Campanhas de vacinação contra pólio e sarampo são prorrogadas até 20 de dezembro

01/12/2020 04:59
Campanhas de vacinação contra pólio e sarampo são prorrogadas até 20 de dezembro
Bolsonaro diz que não pode caber a um juiz decisão sobre obrigatoriedade da vacina
PRESIDENTE

Bolsonaro diz que não pode caber a um juiz decisão sobre obrigatoriedade da vacina

26/10/2020 14:30
Bolsonaro diz que não pode caber a um juiz decisão sobre obrigatoriedade da vacina
Últimas Notícias