Dólar Comercial compra R$ 5,3202 venda R$ 5,3208 máxima 5,3232
Euro compra R$ 6,2576 venda R$ 6,2605 máxima 6,2616
03 Ago - 18h39
segunda, 03 de agosto de 2020
PMB ICOAR E OUT 27.7
PMB ICOAR E OUT - MOB 27.7
CIÊNCIA

Vacina de Oxford protegeu macacos da pneumonia causada pela covid-19, aponta estudo

31 Jul 2020 - 16h11Atualizado 31 Jul 2020 - 16h11
Vacina de Oxford protegeu macacos da pneumonia causada pela covid-19, aponta estudo - Crédito: John Cairns/University of Oxford via AP Crédito: John Cairns/University of Oxford via AP

A vacina da Universidade de Oxford para a covid-19 preveniu, em macacos, a pneumonia causada pela doença, é o que aponta uma pesquisa que teve publicação antecipada on-line nesta quinta-feira, 30, na revista cientifica "Nature", uma das mais importantes do mundo.

Os resultados preliminares dos testes já haviam sido divulgados há cerca de dois meses e meio, mas a publicação na revista significa que eles foram validados por outros cientistas (passaram pela chamada "revisão por pares", ou "peer review", em inglês). Esse passo é necessário para que qualquer estudo científico seja publicado em uma revista.

"Não foram observadas evidências de pneumonia viral nem doença inflamatória imune" nos macacos vacinados, disseram os cientistas.

A imunização com a vacina, tanto em dose única como aplicada com reforço, induziu a produção de anticorpos e resposta imune celular em macacos resos. Não foram observados efeitos colaterais.

Segundo os cientistas, além de ficarem protegidos da pneumonia causada pelo novo coronavírus, os macacos vacinados também tiveram menor carga viral (quantidade de vírus) em amostra retirada dos pulmões e do trato respiratório inferior.

Seis animais foram vacinados com uma dose da vacina, 28 dias antes de serem expostos ao Sars-Cov-2 (o novo coronavírus). Outros seis foram vacinados 56 dias, e, depois, 28 dias antes da exposição ao vírus.

Os anticorpos contra uma parte específica do vírus começaram a aparecer já 14 dias depois de apenas uma dose, e foram "significativamente aumentados com a segunda imunização", disseram os pesquisadores.

Para os macacos que receberam as duas doses da vacina, o vírus infeccioso (capaz de provocar a infecção pela covid-19) só foi detectado até um dia depois de o animal ter contato com o vírus. Nos macacos que receberam apenas uma dose, o vírus foi encontrado até três dias depois da exposição.

Os cientistas alertaram, entretanto, que a vacina foi capaz de evitar a doença causada pelo novo coronavírus, e não de impedir a transmissão ou a infecção por ele.

Ensaios em humanos

Na semana passada, os cientistas de Oxford anunciaram que a vacina da universidade é segura e induz resposta imune. A imunização está sendo testada em fase 3 (a última) no Brasil e em outros países.

O efeito deve ser reforçado após uma segunda dose da vacina, segundo os cientistas.

A resposta imune foi medida em laboratório. São necessários mais testes para confirmar se a vacina protege efetivamente a população contra infecções pelo novo coronavírus. Os cientistas ainda não sabem, exatamente, o quanto de resposta imune é necessária para combater a doença.

Fonte: G1

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Parte do sistema imunológico considerada antiga pode explicar casos graves de covid-19
ESTUDOS

Parte do sistema imunológico considerada antiga pode explicar casos graves de covid-19

03/08/2020 16:45
Parte do sistema imunológico considerada antiga pode explicar casos graves de covid-19
Plataforma gera estatísticas da covid-19 em municípios paulistas
pesquisa

Plataforma gera estatísticas da covid-19 em municípios paulistas

03/08/2020 16:42
Plataforma gera estatísticas da covid-19 em municípios paulistas
São Paulo pode chegar a 720 mil casos de covid-19 até 15 de agosto
PANDEMIA

São Paulo pode chegar a 720 mil casos de covid-19 até 15 de agosto

03/08/2020 15:40
São Paulo pode chegar a 720 mil casos de covid-19 até 15 de agosto
Melbourne anuncia novas restrições em tentativa de conter covid-19
PREVENÇÃO

Melbourne anuncia novas restrições em tentativa de conter covid-19

03/08/2020 13:46
Melbourne anuncia novas restrições em tentativa de conter covid-19
Vacina contra a covid-19 pode nunca existir, diz diretor-geral da OMS
TRATAMENTO

Vacina contra a covid-19 pode nunca existir, diz diretor-geral da OMS

03/08/2020 13:40
Vacina contra a covid-19 pode nunca existir, diz diretor-geral da OMS
Últimas Notícias