Dólar Comercial compra R$ 5,357 venda R$ 5,3595 máxima 5,3941
Euro compra R$ 6,3919 venda R$ 6,3951 máxima 6,456
30 Nov - 17h56
segunda, 30 de novembro de 2020
VALE - PROTETORES DA FLORESTA - DESK - 24.11 a 24.12
LIDER - TECN - 29 E 30.11 - MOB
PEDIDOS

Além do Pará, TSE aprova envio de Forças Armadas para garantir eleições em mais 10 estados

29 Out 2020 - 13h50Atualizado 29 Out 2020 - 16h18
Além do Pará, TSE aprova envio de Forças Armadas para garantir eleições em mais 10 estados - Crédito: Reprodução Crédito: Reprodução

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, nesta quinta-feira, 29, pedidos dos estados de Alagoas, Amazonas, Mato Grosso e Tocantins para que as Forças Armadas auxiliem a garantir o primeiro turno das eleições municipais. Na terça, 27, os ministros do TSE já haviam decidido, por unanimidade, acatar os pedidos de apoio para 72 municípios do Pará, além de 348 localidades no Acre, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Rio Grande do Norte e Tocantins.

A relação dos municípios que receberão os militares ainda não foi divulgada, mas, segundo o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, as localidades que receberão apoio federal para garantir que o processo eleitoral transcorra de forma ordeira e tranquila “apresentam histórico de conflitos em pleitos anteriores ou de conflitos entre facções criminosas, além de reduzido efetivo policial local e difícil acesso às algumas das localidades”.

“A meu ver, estão preenchidos os requisitos da resolução específica e estou deferindo os pedidos”, disse Barroso durante a sessão plenária desta manhã. De acordo com o ministro, os governadores de Alagoas (Renan Filho); Amazonas (Wilson Lima); Mato Grosso (Mauro Mendes) e do Tocantins (Mauro Carlesse) manifestaram-se favoravelmente ao envio das Forças Armadas.

Ao pedir ao TSE que autorize a presença de forças federais para garantir a segurança do processo eleitoral, cada TRE deve indicar as localidades onde a atuação militar se faz necessária, apontando fatos e circunstâncias que justifiquem o receio de perturbação das atividades. Com a aprovação dos pedidos, a decisão do TSE é encaminhada ao Ministério da Defesa, responsável pelas ações desenvolvidas pelas Forças Armadas.

Fonte: Agência Pará

 

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 98469-4559ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Candidatos eleitos têm até 15 de dezembro para apresentar prestação de contas à Justiça Eleitoral
ELEIÇÕES 2020

Candidatos eleitos têm até 15 de dezembro para apresentar prestação de contas à Justiça Eleitoral

30/11/2020 15:07
Candidatos eleitos têm até 15 de dezembro para apresentar prestação de contas à Justiça Eleitoral
Resultado das Eleições no Pará foram as mais rápidas do Brasil, aponta TRE
AGILIDADE

Resultado das Eleições no Pará foram as mais rápidas do Brasil, aponta TRE

30/11/2020 14:55
Resultado das Eleições no Pará foram as mais rápidas do Brasil, aponta TRE
Ibope errou previsão em pelo menos sete capitais; veja
CREDIBILIDADE EM RISCO

Ibope errou previsão em pelo menos sete capitais; veja

30/11/2020 14:24
Ibope errou previsão em pelo menos sete capitais; veja
Mourão diz que 'população votou em quem sabe administrar'
RESULTADO DAS ELEIÇÕES

Mourão diz que 'população votou em quem sabe administrar'

30/11/2020 14:13
Mourão diz que 'população votou em quem sabe administrar'
Candidaturas de nove prefeitos eleitos no Rio aguardam decisão da Justiça
SUB JUDICE

Candidaturas de nove prefeitos eleitos no Rio aguardam decisão da Justiça

30/11/2020 13:57
Candidaturas de nove prefeitos eleitos no Rio aguardam decisão da Justiça
Últimas Notícias