Dólar Comercial compra R$ 5,2589 venda R$ 5,2605 máxima 5,2783
Euro compra R$ 5,7106 venda R$ 5,7134 máxima 5,7583
02 Abr - 13h13
quinta, 02 de abril de 2020
Basa Capital de Giro
Grupo Líder Gratidão mobile
ATÉ QUANDO?

Jogadores do Vasco foram alvos de racismo na Bolívia

Em uma rede social, o time de São Januário se solidarizou com o goleiro e a todos que sentiram ofendidos com o comportamento dos torcedores.

20 Fev 2020 - 10h28Atualizado 20 Fev 2020 - 10h37Por Da redação
Jogadores do Vasco foram alvos de racismo na Bolívia - Crédito: Reprodução Crédito: Reprodução

 

Após o triste episódio de racismo durante o confronto entre Vasco da Gama e Oriente Petrolero, na noite dessa quarta-queira, 19, válido pela Copa Sul-Americana, em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. O time de São Januário lamentou o ocorrido e repudiou os atos de discriminação contra seus atletas.

De acordo com os jogadores, o insulto vindo da torcida foi ignorado pelo arbitro, José Argote, que ao invés de paralisar a partida, acabou advertindo com cartão amarelo os atletas que estariam alertando o caso no banco de reservas.

O goleiro reserva Alexander foi um dos vascainos que ao ouvir insultos racistas, se dirigiu até o arbitro e levou o cartão amarelo. 

Em uma rede social, o time cruz maltino se solidarizou com o goleiro e a todos que sentiram ofendidos com o comportamento dos torcedores. Veja a mensagem abaixo:

Na noite desta quarta-feira (19/2), torcedores do Oriente Petrolero se dirigiram ao volante Juninho com gestos e palavras racistas. Outros jogadores que estavam no banco de reservas, como o goleiro Alexander e o zagueiro Ricardo se manifestaram e tentaram alertar a arbitragem, que não entendeu e acabou advertindo o segundo com um cartão amarelo. O Cruzmaltino já tomou as medidas necessárias e lamenta que em pleno ano de 2020 ainda observamos tantos casos de racismo no futebol. Ao Juninho e a todos que se sentiram ofendidos, toda a solidariedade do Gigante.

O diretor executivo de futebol, André Mazzuco, falou sobre o ocorrido e como o clube agiu após a partida.
 
- Foi um episódio que aconteceu com o Juninho, o Alexander e os atletas que estavam no banco de reservas, de forma geral. A torcida já estava exaltada, hostilizando nossos jogadores, mas se dirigiram ao Juninho com xingamentos e gestos de cunho racista. Todos se manifestaram e o Ricardo recebeu o cartão amarelo. Tomamos os procedimentos cabíveis de relatar diretamente à arbitragem e ao delegado da partida, que registraram o ocorrido. Vamos aguardar a súmula e todos os processos e medidas que precisam ser tomados. Além disso, solicitamos que o cartão amarelo dado ao Ricardo justamente por ele ter se insurgido contra os xingamentos ao Juninho seja revisado - disse Mazzuco.

 

Racismo é crime denuncie!

Previsto em lei específica, a 7.716/1989. É um crime contra a coletividade e não contra uma pessoa ou grupo específico. Pode ser tanto dizer “todos os negros são macacos”, como recusar acesso a estabelecimento comercial ou elevador social de um prédio. O crime de racismo é inafiançável e imprescritível. A pena também vai de um a três anos e multa.

Fonte: nexojornal

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Remo e Paysandu se unem e lançam campanha para ajudar os ambulantes diante do coronavírus
SOLIDARIEDADE

Remo e Paysandu se unem e lançam campanha para ajudar os ambulantes diante do coronavírus

há 3 minutos atrás
Remo e Paysandu se unem e lançam campanha para ajudar os ambulantes diante do coronavírus
'Estou ansioso para voltar a trabalhar com a equipe', confessa Carlos Alberto
EM TEMPOS DE QUARENTENA

'Estou ansioso para voltar a trabalhar com a equipe', confessa Carlos Alberto

02/04/2020 05:00
'Estou ansioso para voltar a trabalhar com a equipe', confessa Carlos Alberto
Primeiro de abril: as maiores 'potocas' de Leão e Papão
CONTO DO VIGÁRIO

Primeiro de abril: as maiores 'potocas' de Leão e Papão

01/04/2020 19:37
Primeiro de abril: as maiores 'potocas' de Leão e Papão
Lenda do skate, Jeff Grosso morre aos 51 anos
NA CALIFÓRNIA

Lenda do skate, Jeff Grosso morre aos 51 anos

01/04/2020 14:18
Lenda do skate, Jeff Grosso morre aos 51 anos
Inscrição para o programa Bolsa Talento está suspensa temporariamente
MEDIDA

Inscrição para o programa Bolsa Talento está suspensa temporariamente

01/04/2020 14:04
Inscrição para o programa Bolsa Talento está suspensa temporariamente
Últimas Notícias