Dólar Comercial compra R$ 4,1624 venda R$ 4,1642 máxima 4,1902
Euro compra R$ 4,6011 venda R$ 4,6048 máxima 4,6473
23 Jan - 17h18
quinta, 23 de janeiro de 2020
Unique
Unique_mobile
BOCA NO TROMBONE

Técnico bicolor reclama de arbitragem que apitou jogo contra o Náutico: 'Árbitro fim de carreira'

09 Set 2019 - 14h41Atualizado 09 Set 2019 - 14h52
Técnico bicolor reclama de arbitragem que apitou jogo contra o Náutico: 'Árbitro fim de carreira' - Crédito: Jorge Luiz/Ascom Paysandu Crédito: Jorge Luiz/Ascom Paysandu

O técnico do Paysandu, Hélio dos Anjos, não se segurou e reclamou da equipe de arbitragem que apitou o jogo no domingo, 8, contra o Náutico, no Estádio dos Aflitos, em Recife. O Papão empatou no tempo normal com o placar de 2 a 2, mas perdeu para o Náutico de 5 a 3 nos pênaltis. 

"O que me assusta é você colocar um árbitro fim de carreira para apitar um jogo como esse. Colocaram um cara que apitava na minha época, um árbitro que não estava à altura dessa decisão", desabafa o técnico em entrevista para a Tv Record.

O resultado manteve o Paysandu na Série C do Campeonato Brasileiro. Dirigentes do clube declararam que irão tomar providências judiciais.

Por meio de uma nota, a diretoria de futebol do clube anunciou que o presidente embarca ainda nesta segunda-feira, 9, para o Rio de Janeiro, onde vai pessoalmente à sede da Confederação Brasielira de Futebol (CBF).

Leia a nota do time bicolor na íntegra:

Após o time ser prejudicado por um gravíssimo e escandaloso erro de arbitragem, com ampla repercussão na mídia nacional e nas redes sociais, que prejudicou e causou a eliminação do Paysandu Sport Club no Campeonato Brasileiro da Série C, o presidente bicolor Ricardo Gluck Paul viajará nesta segunda-feira (9) para o Rio de Janeiro (RJ) em busca de providências judiciais, juntamente com um grupo de advogados especialistas em Direito Esportivo. O jogo da equipe paraense foi o único dos quatro do mata-mata da terceira divisão que não teve um representante da Fifa no apito.

Na noite do último domingo (8), o Paysandu vencia o Náutico-PE por 2 a 1, no Estádio dos Aflitos, em Recife, pela partida de volta das quartas de final da Série C. Porém, aos 49 minutos e 20 segundos do segundo tempo, de um jogo previsto para encerrar aos 50, o árbitro gaúcho Leandro Pedro Vuaden não aplicou a regra de maneira correta, embora estivesse muito próximo do lance, e marcou um pênalti inexistente contra o Papão. Depois de um cruzamento na área bicolor, Caíque Oliveira cortou de cabeça em direção contrária ao gol e a bola bateu em Uchôa, que estava com o braço totalmente colado ao corpo, sem tornar seu corpo maior de maneira antinatural. Além disso, a bola foi tocada por Caíque Oliveira na direção de Uchôa, ou seja, um próprio jogador bicolor, dentro da regra.

De acordo com a regra, não há infração se a bola tocar a mão ou braço de um jogador diretamente da cabeça ou do corpo do próprio jogador, incluindo o pé; diretamente da cabeça ou do corpo, incluindo o pé, de outro jogador que esteja próximo; se a mão ou braço estiver perto do corpo e não faça o corpo artificialmente maior; quando um jogador cai e a mão ou braço está entre o corpo e o solo para apoiar o corpo, mas não estendido lateralmente ou verticalmente para longe do corpo.

Na saída de campo, jogadores e integrantes da comissão técnica foram cercados por milhares de torcedores do Náutico que invadiram o gramado. O odontólogo do clube, Fernando Augusto, foi agredido durante a invasão. A equipe teve de descer para o vestiário escoltada por um cordão de isolamento feito por policiais militares, em um ambiente totalmente hostil e que colocou em risco a integridade física e até a vida de aproximadamente 30 profissionais.

No jogo de ida, o Paysandu já havia sido prejudicado com a não marcação de um pênalti cometido sobre o atacante Hygor Silva, que foi empurrado pelas costas pelo lateral-esquerdo adversário Willian Simões ainda no primeiro tempo do confronto disputado no Estádio Mangueirão, em Belém. O árbitro Anderson Daronco, que sofreu pressão do Náutico antes da abertura do mata-mata, mandou o jogo seguir.

 

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Carlos Alberto vai poder voltar a treinar com o elenco azulino em 30 dias
LIBERADO!

Carlos Alberto vai poder voltar a treinar com o elenco azulino em 30 dias

há 27 minutos atrás
Carlos Alberto vai poder voltar a treinar com o elenco azulino em 30 dias
Paysandu homenageia jovem torcedora vítima do ‘maníaco de Marituba’
LUTO E COMOÇÃO

Paysandu homenageia jovem torcedora vítima do ‘maníaco de Marituba’

23/01/2020 13:00
Paysandu homenageia jovem torcedora vítima do ‘maníaco de Marituba’
Paysandu faz treino tático focado em desafio contra o Bragantino
TRABALHANDO DURO

Paysandu faz treino tático focado em desafio contra o Bragantino

23/01/2020 12:35
Paysandu faz treino tático focado em desafio contra o Bragantino
Paragominas busca sustentabilidade por meio de pacto social com torcedor
ESPORTE SOCIAL

Paragominas busca sustentabilidade por meio de pacto social com torcedor

23/01/2020 11:45
Paragominas busca sustentabilidade por meio de pacto social com torcedor
Apresentação do projeto de reforma do Mangueirão é adiada para fevereiro
NOVO PRAZO

Apresentação do projeto de reforma do Mangueirão é adiada para fevereiro

23/01/2020 10:30
Apresentação do projeto de reforma do Mangueirão é adiada para fevereiro
Últimas Notícias