Dólar Comercial compra R$ 3,7566 venda R$ 3,7571 máxima 3,7622
Euro compra R$ 4,2938 venda R$ 4,2959 máxima 4,3001
19 Nov - 10h55
segunda, 19 de novembro de 2018
ELEIÇÕES 2018

Fernando Collor, do PTC, desiste de candidatura ao governo de Alagoas

14 Set 2018 - 21h17
Fernando Collor, do PTC, desiste de candidatura ao governo de Alagoas - Crédito: Reprodução/TV Gazeta Crédito: Reprodução/TV Gazeta

O senador Fernando Collor, do Partido Trabalhista Cristão (PTC), anunciou na noite desta sexta-feira (14) que abriu mão da candidatura ao governo de Alagoas. O comunicado foi feito em um vídeo divulgado nas redes sociais dele (veja acima).

"Minha gente, a história dessa nossa candidatura ao governo é do conhecimento de todos. Às vésperas da convenção fui procurado por um grupo representativo da política alagoana. De forma coesa, unida, a mim dirigiu o apelo para assumir e liderar uma grande frente de oposição ao grupo governista. Percebendo a coesão do grupo, aceitei a missão. Está na essência da democracia o exercício do contraditório. Até para ofertar legitimidade ao eventual eleito. Todos sabem do meu destemor, cumpro minha palavra, mas peço reciprocidade. Na ausência dela, perde sentido a missão a mim atribuída. Sem unidade, perde a candidatura o seu significado de existência. Deixo, portanto, a condição de candidato ao governo, ficando aqui o meu muito obrigado aos colaboradores e correligionários. À minha gente que me recebeu com tanto carinho, o meu mais profundo sentimento de gratidão", disse Collor.

O PTC havia oficializado a candidatura de Collor em convenção do partido no dia 5 de agosto.

Na última pesquisa Ibope, divulgada no dia 16 de agosto, Collor aparecia em segundo lugar, 22% das intenções de voto.

Substituição da candidatura

A renúncia ainda precisa ser apresentada oficialmente ao Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE-AL) em documento datado e assinado, com firma reconhecida por tabelião ou por duas testemunhas.

A partir daí, é contado um prazo de 10 dias para a escolha formal do substituto.

A chapa majoritária do PTC era coligada com o PSDB, partido do candidato ao vice-governador Kelmann Vieira, que atualmente é vereador por Maceió. Também faziam parte da coligação PSB, PSC, PRB, PROS, DEM e PP.

Ainda não há a definição se a coligação ou outro partido vai indicar um outro nome para a candidatura ao governo de Alagoas.

Fonte: G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dupla sertaneja é assaltada durante show e vai à web pedir ajuda
CRIMINALIDADE SEM PERDÃO

Dupla sertaneja é assaltada durante show e vai à web pedir ajuda

há 25 minutos atrás
Dupla sertaneja é assaltada durante show e vai à web pedir ajuda
Ex-CEO e presidente do conselho da Nissan, Carlos Ghosn é preso no Japão
INTERNACIONAL

Ex-CEO e presidente do conselho da Nissan, Carlos Ghosn é preso no Japão

19/11/2018 09:09
Ex-CEO e presidente do conselho da Nissan, Carlos Ghosn é preso no Japão
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
ACUSADO DE ASSASSINATO

Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil

19/11/2018 07:29
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Roberto Castello Branco aceita assumir presidência da Petrobras
MAIS UM NOME CONFIRMADO

Roberto Castello Branco aceita assumir presidência da Petrobras

19/11/2018 07:11
Roberto Castello Branco aceita assumir presidência da Petrobras
Edison Brittes, acusado do assassinato, pode fazer parte de rede criminosa
CASO DANIEL

Edison Brittes, acusado do assassinato, pode fazer parte de rede criminosa

19/11/2018 06:50
Edison Brittes, acusado do assassinato, pode fazer parte de rede criminosa
Últimas Notícias