Dólar Comercial compra R$ 4,1209 venda R$ 4,1214 máxima 4,1312
Euro compra R$ 4,5919 venda R$ 4,5969 máxima 4,6047
24 Ago - 02h01
sábado, 24 de agosto de 2019
Jorge e Mateus Unico
Jorge e Mateus Unico mobile
POLÍTICA

José Dirceu irá se entregar, diz advogado após tribunal negar recurso

Ex-ministro tentou conseguir prescrição de pena em sua segunda condenação na Lava-Jato

16 Mai 2019 - 19h48Atualizado 16 Mai 2019 - 20h12
José Dirceu irá se entregar, diz advogado após tribunal negar recurso -

O advogado Roberto Podval, que defende o ex-ministro José Dirceu, afirmou que o petista irá se entregar às autoridades, após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negar um pedido de prescrição de pena em sua segunda condenação na Lava-Jato, a uma pena de 8 anos e dez meses de prisão. Dirceu está solto de julho do ano passado.

— (Ele) Irá se entregar — disse Podval ao GLOBO.

O TRF-4 decretou "imediato ofício para início do cumprimento da pena ao juízo de primeiro grau". A prisão deve se dar em Curitiba, onde correm os processos referentes à Lava-Jato. Ainda cabe recurso por parte da defesa do petista no Superior Tribunal de Justiça (STJ) no Supremo Tribunal Federal (STF).

O irmão de Dirceu, Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, e os sócios da construtora Credencial, Eduardo Aparecido de Meira e Flávio Henrique de Oliveira Macedo, são réus na mesma ação penal e também tiveram os embargos declaratórios negados. Em defesa de Dirceu, advogados argumentaram, inclusive, o fato de o ex-ministro ter 70 anos de idade.

Segundo a denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF), Dirceu é acusado de receber propina em um contrato superfaturado da Petrobras com a empresa Apolo Tubulars, fornecedora de tubos para a estatal, entre 2009 e 2012.

Parte dos valores, que chegaram a R$ 7.147.425,70, foram repassados a Renato Duque, ex-diretor de Serviços da Petrobras, e parte a Dirceu. Para disfarçar o caminho do dinheiro, Dirceu e seu irmão usaram, segundo a denúncia, a empresa construtora Credencial para receber valor de cerca de R$ 700 mil, tendo o restante sido usado em despesas com o uso de aeronaves em mais de 100 vôos feitos pelo ex-ministro.

Com informações do Globo.com.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

'Tolerância Zero': Bolsonaro fala sobre medidas emergenciais contra queimadas na Amazônia
PRONUNCIAMENTO DO PRESIDENTE

'Tolerância Zero': Bolsonaro fala sobre medidas emergenciais contra queimadas na Amazônia

23/08/2019 21:00
'Tolerância Zero': Bolsonaro fala sobre medidas emergenciais contra queimadas na Amazônia
Trump afirma que está pronto para ajudar o Brasil no combate às queimadas na Amazônia
PARCERIA

Trump afirma que está pronto para ajudar o Brasil no combate às queimadas na Amazônia

23/08/2019 20:23
Trump afirma que está pronto para ajudar o Brasil no combate às queimadas na Amazônia
Governo federal autoriza uso das Forças Armadas contra incêndios na Amazônia
COMBATE

Governo federal autoriza uso das Forças Armadas contra incêndios na Amazônia

23/08/2019 19:56
Governo federal autoriza uso das Forças Armadas contra incêndios na Amazônia
Bolsonaro afirma que Mercosul concluiu acordo comercial com países do Efta
VIA TWITTER

Bolsonaro afirma que Mercosul concluiu acordo comercial com países do Efta

23/08/2019 18:16
Bolsonaro afirma que Mercosul concluiu acordo comercial com países do Efta
Países da América do Sul se mobilizam contra incêndios florestais
AMAZÔNIA

Países da América do Sul se mobilizam contra incêndios florestais

23/08/2019 17:53
Países da América do Sul se mobilizam contra incêndios florestais
Últimas Notícias