Lula confirma exploração da Margem Equatorial: 'queremos saber a riqueza que tem lá embaixo'; assista

Estadão Conteúdo – O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, confirmou que o governo vai explorar a Margem Equatorial, operação defendida pelo ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, e pela atual presidente da Petrobras, Magda Chambriard. A declaração ocorreu em entrevista à Rádio Mirante News FM, do Maranhão, nesta sexta-feira, 21. “Nós...

Publicado em 21 de junho de 2024 às 18:31

null Crédito: Ricardo Stuckert / PR

Estadão Conteúdo - O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, confirmou que o governo vai explorar a Margem Equatorial, operação defendida pelo ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, e pela atual presidente da Petrobras, Magda Chambriard. A declaração ocorreu em entrevista à Rádio Mirante News FM, do Maranhão, nesta sexta-feira, 21.



https://twitter.com/i/status/1804265595699102200

'Nós vamos explorar a Margem Equatorial', disse o presidente. 'Por enquanto, não é explorar. O que nós queremos é fazer um processo de medição para a gente saber se tem e qual a quantidade de riqueza que tem lá embaixo.'

Lula afirmou que o governo vai estudar a presença de pré-sal na Margem Equatorial e enfatizou: 'Pode ficar certo de que vamos explorar.'

Em relação à proximidade com a Foz do Amazonas, o presidente argumentou que há uma 'distância enorme' entre as duas regiões.

'Quando a gente fala da Margem Equatorial, o pessoal fala: mas é perto da Amazônia. É o seguinte: são 575 quilômetros da margem do Amazonas', disse Lula. 'Uma distância enorme.'

Em janeiro, a Petrobras havia anunciado a conclusão da primeira perfuração na Margem Equatorial e disse ter descoberto a presença de petróleo. Em abril, a estatal identificou uma nova reserva.

A Margem Equatorial se estende pelo litoral brasileiro do Rio Grande do Norte ao Amapá e, segundo o governo, é uma região geográfica de potencial exploratório para o setor de óleo e gás