Dólar Comercial compra R$ 4,0022 venda R$ 4,0050 máxima 4,0080
Euro compra R$ 4,4392 venda R$ 4,4439 máxima 4,4428
18 Ago - 19h02
domingo, 18 de agosto de 2019
Banco da Amazônia 940x230px
Jorge e Mateus Unico mobile
11 CATEGORIAS

Novos cálculos de frete mínimo para caminhoneiros entram em vigor

21 Jul 2019 - 20h05Atualizado 21 Jul 2019 - 21h15
Novos cálculos de frete mínimo para caminhoneiros entram em vigor - Crédito: Fábio Guimas Crédito: Fábio Guimas

Um novo cálculo do frete mínimo para caminhoneiros começou a vale a partir deste sábado, 20. De acordo com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), as mudanças determinam que o cálculo do frete mínimo passará a considerar 11 categorias na metodologia para os diferentes cálculos dos pisos mínimos.

As categorias que terão que se adaptar às alterações são transportes de graneis sólidos, líquidos, cargas frigorificadas, cargas conteinerizadas e transportes de cargas perigosas em diferentes modalidades, sólidas e líquidas.

A resolução também amplia os itens levados em consideração para o cálculo. Segundo a norma, o cálculo do piso mínimo de frete levará em consideração o tipo de carga; também serão aplicados dois coeficientes de custo: um envolvendo o custo de deslocamento (CCD) e, outro, de carga e descarga (CC) que levará em consideração o número de eixos carregados. A resolução determina ainda que será levada em consideração a distância percorrida pelo caminhoneiro.

Detalhamento

Outro tema presente na resolução da ANTT é o detalhamento da multa para quem contratar o serviço abaixo do piso mínimo. A pena a ser aplicada é de duas vezes a diferença entre o valor pago e o piso devido, R$ 500 no mínimo, e R$ 10.500 no máximo. Quem ofertar contratação do transporte rodoviário de carga abaixo do piso mínimo pode ser multado em R$ 4.975.

No final de  maio, a agência reguladora já havia anunciado que deixaria de aplicar multa aos caminhoneiros por descumprimento da aplicação da tabela  De acordo com a ANTT, a aplicação de multa aos caminhoneiros que aceitavam fretes abaixo do piso mínimo desmotivava os motoristas a denunciar as empresas que estavam pagando o preço abaixo da tabela. Com a alteração, nenhum caminhoneiro autônomo pode ser multado caso esteja transportando cargas no valor abaixo do piso mínimo de frete estabelecido.

A ANTT informou ainda que vai aprofundar, até janeiro do próximo ano, os estudos para tratamento de cargas especiais (vidros, animais vivos, guincho para reboque de veículos, produtos aquecidos, logística reversa de resíduos sólidos, granéis em silo etc.), tratamento específico de cargas fracionadas e para transporte dedicado voltando vazio. A agência vai analisar ainda o destaque do diesel na fórmula do piso mínimo.

Com informações de Agência Brasil.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Júlio Bueno, ex-secretário de Fazenda e Desenvolvimento Econômico do RJ, morre aos 64 anos
NA CAPITAL FLUMINENSE

Júlio Bueno, ex-secretário de Fazenda e Desenvolvimento Econômico do RJ, morre aos 64 anos

18/08/2019 14:59
Júlio Bueno, ex-secretário de Fazenda e Desenvolvimento Econômico do RJ, morre aos 64 anos
Governo Federal reduz carga tributária sobre videogames
REDUÇÃO

Governo Federal reduz carga tributária sobre videogames

18/08/2019 14:32
Governo Federal reduz carga tributária sobre videogames
Geleira que derreteu na Islândia ganha 'lápide' com alerta sobre o aquecimento global
NATUREZA

Geleira que derreteu na Islândia ganha 'lápide' com alerta sobre o aquecimento global

18/08/2019 14:25
Geleira que derreteu na Islândia ganha 'lápide' com alerta sobre o aquecimento global
Morre idoso que emocionou o Brasil ao pedir para ficar internado com a esposa
COMOVENTE

Morre idoso que emocionou o Brasil ao pedir para ficar internado com a esposa

18/08/2019 13:43
Morre idoso que emocionou o Brasil ao pedir para ficar internado com a esposa
Manifestantes voltam a protestar em Hong Kong
TENSÃO

Manifestantes voltam a protestar em Hong Kong

18/08/2019 13:16
Manifestantes voltam a protestar em Hong Kong
Últimas Notícias