Dólar Comercial compra R$ 4,4483 venda R$ 4,4511 máxima 4,4505
Euro compra R$ 4,8678 venda R$ 4,8717 máxima 4,8724
27 Fev - 08h46
quinta, 27 de fevereiro de 2020
Vale ITV Galeria
Vale ITV mobile
ECONOMIA

Parcela máxima do seguro-desemprego chega a R$ 1.813 mil

16 Jan 2020 - 14h08Atualizado 16 Jan 2020 - 14h15
Parcela máxima do seguro-desemprego chega a R$ 1.813 mil - Crédito: Reprodução Crédito: Reprodução

O seguro-desemprego é um dos mais importantes direitos dos trabalhadores brasileiros. Ele garante auxílio em dinheiro por um período determinado, sendo pago de três a cinco parcelas de forma contínua ou alternada, de acordo com o tempo trabalhado.

Com a mudança do salário mínimo e de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), o cálculo para o seguro-desemprego foi reajustado em 4,48%. Valor refere-se, em especial, ao inflacionário acumulado de janeiro a dezembro de 2019. As informações foram divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A partir da correção, a parcela máxima do benefício passa a ser de R$ 1.813,03. Antes, o valor era de R$ 1.735,29. O cálculo leva em consideração a média dos salários dos últimos 3 meses que antecederam a dispensa. Esse total não pode ser inferior a um salário mínimo – que está em R$ 1.039,00, mas deve passar para R$ 1.045,00. Com a correção do mínimo, que representa 4,1% em 2020, o pagamento foi reajustado na mesma proporção. Assim, a parcela mínima terá o mesmo valor.

Seguro-desemprego em 2020

O valor das parcelas do seguro-desemprego é calculado de acordo com média salarial dos últimos três meses que antecederam a dispensa do trabalhador. O benefício é pago em três a cinco parcelas, a depender do número de meses trabalhados. Também é levado em consideração se é a primeira, segunda ou terceira solicitação realizada. Para 2020, o cálculo pode ser feito da seguinte maneira:

Até R$ 1.599,61 – multiplica-se o salário médio por 0,8 (80%), não podendo o pagamento ser inferior ao salário mínimo (R$ 1.039);

De R$ 1.599,62 a R$ 2.666,29 – o que exceder a R$ 1.599,61 multiplica-se por 0,5 (50%) e soma-se a R$ 1.279,69;

De R$ 1.599,62 a R$ 2.666,29 — o que exceder a R$ 1.599,61 multiplica-se por 0,5 (50%) e soma-se a R$ 1.279,69;

Acima de R$ 2.666,29 — o valor da parcela será de R$ 1.813,03 invariavelmente.

Fonte: Edital Concursos.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Após recorde de acúmulo, prêmio da mega sena chega hoje a R$ 200 milhões
ACUMULOU 16 VEZES

Após recorde de acúmulo, prêmio da mega sena chega hoje a R$ 200 milhões

27/02/2020 07:35
Após recorde de acúmulo, prêmio da mega sena chega hoje a R$ 200 milhões
Paciente é diagnosticado com o novo coronavírus nos Estados Unidos
PRIMEIRO CASO NO TERRITÓRIO

Paciente é diagnosticado com o novo coronavírus nos Estados Unidos

26/02/2020 23:30
Paciente é diagnosticado com o novo coronavírus nos Estados Unidos
Candidatos ao Fies e P-Fies 2020 já podem acessar resultados
RESULTADO DA SELEÇÃO

Candidatos ao Fies e P-Fies 2020 já podem acessar resultados

26/02/2020 22:44
Candidatos ao Fies e P-Fies 2020 já podem acessar resultados
Ministros se reúnem para discutir ações de combate ao novo coronavírus
PLANO DE CONTINGÊNCIA

Ministros se reúnem para discutir ações de combate ao novo coronavírus

26/02/2020 21:07
Ministros se reúnem para discutir ações de combate ao novo coronavírus
Suprema Corte decide liberar suicídio assistido por médicos na Alemanha
REVIRAVOLTA

Suprema Corte decide liberar suicídio assistido por médicos na Alemanha

26/02/2020 19:58
Suprema Corte decide liberar suicídio assistido por médicos na Alemanha
Últimas Notícias