Dólar Comercial compra R$ 3,8590 venda R$ 3,8610 máxima 3,8611
Euro compra R$ 4,3232 venda R$ 4,3259 máxima 4,3273
19 Jun - 09h09
quarta, 19 de junho de 2019
TCM
TCM_mobile
PRECONCEITO

Filho de Maurício de Sousa denuncia ataque homofóbico: "não vou ficar calado"

14 Jun 2019 - 18h40Atualizado 14 Jun 2019 - 18h40
Filho de Maurício de Sousa denuncia ataque homofóbico: "não vou ficar calado" -

Mauro Sousa, filho de Mauricio de Sousa — que inspirou o pai a criar o personagem Nimbus nos quadrinhos da “Turma da Mônica” –, denunciou em seu Instagram hoje um comentário homofóbico que viu a seu respeito na web.

Engenho do Dedé2

“Tenho 56 anos, fui fã da revistinha da ‘Turma da Mônica’. Infelizmente, hoje Mauricio de Sousa, sem forças pra decidir sua vida, vai deixar um ‘viadinho’ desfazer seu sucesso de décadas”, escreveu a pessoa, que teve seu nome poupado por Mauro.

O diretor de espetáculos, parques e eventos da Mauricio de Sousa Produções não deixou o texto sem resposta e falou que hoje homofobia é crime — citando a decisão tomada ontem pelo STF (Supremo Tribunal Federal), que equiparou a homofobia ao crime de racismo.

“Em uma reportagem recente, eu comentei, sim, que havia planos de um personagem gay na ‘Turma da Mônica’ e, por conta disso, o infrator fez o comentário homofóbico acima. A diferença entre ontem e hoje é que ontem ele era apenas mais um hater. Mas hoje, ele é um criminoso e pode ir para a cadeia. Não, eu não vou ficar calado. Não, eu não quero mais aceitar que me chamem de ‘viadinho’. Só quem pode me chamar assim sou eu mesmo. E sim, a LBGTfobia agora, é crime. Beijos coloridos”, declarou Mauro.“Tenho 56 anos, fui fã da revistinha da ‘Turma da Mônica’. Infelizmente, hoje Mauricio de Sousa, sem forças pra decidir sua vida, vai deixar um ‘viadinho’ desfazer seu sucesso de décadas”, escreveu a pessoa, que teve seu nome poupado por Mauro.

O diretor de espetáculos, parques e eventos da Mauricio de Sousa Produções não deixou o texto sem resposta e falou que hoje homofobia é crime — citando a decisão tomada ontem pelo STF (Supremo Tribunal Federal), que equiparou a homofobia ao crime de racismo.

“Em uma reportagem recente, eu comentei, sim, que havia planos de um personagem gay na ‘Turma da Mônica’ e, por conta disso, o infrator fez o comentário homofóbico acima. A diferença entre ontem e hoje é que ontem ele era apenas mais um hater. Mas hoje, ele é um criminoso e pode ir para a cadeia. Não, eu não vou ficar calado. Não, eu não quero mais aceitar que me chamem de ‘viadinho’. Só quem pode me chamar assim sou eu mesmo. E sim, a LBGTfobia agora, é crime. Beijos coloridos”, declarou Mauro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cid Moreira recupera seu perfil no Instagram após ser hackeado
REDE SOCIAL

Cid Moreira recupera seu perfil no Instagram após ser hackeado

há 34 minutos atrás
Cid Moreira recupera seu perfil no Instagram após ser hackeado
Bruna Marquezine experimenta roupa colada e mostra parte do closet
MARQUEZINE-SE

Bruna Marquezine experimenta roupa colada e mostra parte do closet

18/06/2019 16:17
Bruna Marquezine experimenta roupa colada e mostra parte do closet
Artistas defendem Paulo Betti de acusação de racismo
DISPUTA POLÍTICA

Artistas defendem Paulo Betti de acusação de racismo

18/06/2019 15:46
Artistas defendem Paulo Betti de acusação de racismo
Chay Suede e Laura Neiva serão pais de uma menina, diz colunista
PRIMEIRO FILHO

Chay Suede e Laura Neiva serão pais de uma menina, diz colunista

18/06/2019 15:33
Chay Suede e Laura Neiva serão pais de uma menina, diz colunista
"Vai estudar", diz Mariana Goldfarb após ser acusada de gordofobia
NO INSTAGRAM

"Vai estudar", diz Mariana Goldfarb após ser acusada de gordofobia

18/06/2019 15:29
"Vai estudar", diz Mariana Goldfarb após ser acusada de gordofobia
Últimas Notícias