Dólar Comercial compra R$ 3,8751 venda R$ 3,8761 máxima 3,8840
Euro compra R$ 4,3474 venda R$ 4,3494 máxima 4,3551
19 Jun - 14h40
quarta, 19 de junho de 2019
TCM
Unique_mobile
ENTREVISTA ROMA NEWS

Ações de cultura serão integradas com todas as áreas, garante a secretária estadual de Cultura Úrsula Vidal

13 Jan 2019 - 11h20Atualizado 13 Jan 2019 - 14h54Por Da Redação
Secretária Estadual de Cultura Úrsula Vida - Crédito: Jorge Bentes - Roma NewsSecretária Estadual de Cultura Úrsula Vida - Crédito: Jorge Bentes - Roma News

A nova secretária Estadual de Cultura, Úrsula Vidal, em entrevista às jornalistas Aline Brelaz e Lissa de Alexandria, assegura que programas culturais, já considerados de Estado, como a Feira Pan-Amazônica do Livro e o Festival de Ópera, serão mantidos na atual gestão. "É muito temerário quando se coloca na caixa da gestão eventos, que são eventos do Estado, da cidade, da agenda cultural. O Festival de Ópera é um evento da agenda cultural do Estado do Pará", afirma.

Engenho do Dedé2

Ela assegura que a política cultural em sua gestão será integrada a todas as áreas, inclusive, de segurança pública, uma forma de adesão da juventude e que poderá ajudar na redução da criminalidade. "Não será uma política de eventos, que vai lá faz o evento e vai embora. Será uma política permanente", garante. 

Úrsula Vidal, concorreu ao Senado Federal pelo Psol, foi a segunda candidata mais votada em Belém, mas em todo o Estado ficou em sexto lugar na disputa. Ela se afastou do partido para assumir a Secult, em meio a muitas críticas e também muita torcida, já que é jornalista, produtora cultural e cineasta, portanto, da área cultural.  

Sobre a saída do Psol, após aceitar o convite do governador Helder Barbalho (MDB) para comandar a Secretaria Estadual de Cultura (Secult), Úrsula Vidal, admite que foi um momento delicado, mas de diálogo. "Eu precisava tomar uma decisão, houve um convite para assumir a Secult, o Psol não está na base de apoio e eu sabia que se tomasse a decisão de aceitar o convite, não poderia permanecer no partido", afirma.

Úrsula, também assegura na entrevista que não vai se filiar a nenhum partido, por enquanto, nem ao MDB.

Confira a entrevista na íntegra:

Deixe seu Comentário

Leia Também

Chefe de segurança em Novo Progresso é preso acusado de abuso
ATRÁS DAS GRADES

Chefe de segurança em Novo Progresso é preso acusado de abuso

19/06/2019 12:54
Chefe de segurança em Novo Progresso é preso acusado de abuso
Deputado Eder Mauro critica festival de música na capital paraense
FACADA FEST

Deputado Eder Mauro critica festival de música na capital paraense

19/06/2019 12:09
Deputado Eder Mauro critica festival de música na capital paraense
Indígenas invadem prédio da Seduc em Belém. Assista!
OCUPAÇÃO

Indígenas invadem prédio da Seduc em Belém. Assista!

19/06/2019 11:29
Indígenas invadem prédio da Seduc em Belém. Assista!
PL sobre instalação de placas em braille nos pontos de ônibus no Pará segue para sanção do governador
INCLUSÃO E CIDADANIA

PL sobre instalação de placas em braille nos pontos de ônibus no Pará segue para sanção do governador

19/06/2019 10:28
PL sobre instalação de placas em braille nos pontos de ônibus no Pará segue para sanção do governador
Mulher é presa após agredir companheira
MARIA DA PENHA

Mulher é presa após agredir companheira

19/06/2019 09:47
Mulher é presa após agredir companheira
Últimas Notícias