Dólar Comercial compra R$ 4,0215 venda R$ 4,0228 máxima 4,0265
Euro compra R$ 4,4936 venda R$ 4,4971 máxima 4,5011
19 Mai - 03h35
domingo, 19 de maio de 2019
Unique
Unique_mobile
Anuário Mineral do Pará

Balanço do setor mineral em 2018 é divulgado em Belém

O Anuário Mineral do Pará, publicação lançada há oito anos pelo Simineral mostra com detalhes os dados do setor que responde por quase 90% da economia paraense.

15 Mar 2019 - 04h58
Balanço do setor mineral em 2018 é divulgado em Belém - Crédito: Reprodução Crédito: Reprodução

Na tarde da última quinta-feira, 14, o Anuário Mineral do Pará, que está em sua oitava edição, mostrou com detalhes a movimentação econômica do setor em 2018. Esta movimentação torna o Estado do Pará um dos maiores centros mineradores do mundo.

Na publicação deste ano, além dos dados de setor, o Anuário faz um compilado das principais atividades desenvolvidas pelo sindicato no ano de 2018, com destaque, entre outros, para o Concurso de Redação e o Prêmio Simineral de Comunicação.

Apenas em 2018, o Estado do Pará exportou US$ 15,608 bilhões. Deste valor, 88% responde pelas Indústrias de Mineração e Transformação Mineral localizadas no estado. Juntas, elas chegaram a exportar US$ 13,725 bilhões, fazendo do setor mineral o grande vetor de crescimento do comércio exterior paraense.

O principal produto exportado pela indústria de mineração do Pará continua sendo ferro. Ele representa US$ 9,196 bilhões, seguido pelo cobre, com US$ 2,064 Bilhões, manganês, US$ 276 Milhões, bauxita, níquel, caulim, ouro, sílicio.

Países como China, Malásia e Japão foram os três maiores mercados compradores de bens minerais produzidos no Pará. As exportações para a China representaram 50,2% das exportações totais de bens minerais do Estado, com 135 milhões de toneladas comercializados. Já a Malásia vem em seguida com 14 milhões e Japão com oito milhões de toneladas. Outros países com representações no segmento foram Coréia do Sul, Canadá, Alemanha, Holanda e Filipinas.

Todas essas exportações refletem na empregabilidade estadual. A cadeia produtiva mineral respondeu por 266 mil empregos diretos e indiretos no Pará em 2018. Para cada emprego direto criado na Indústria de Mineração, outros treze postos de trabalho são criados ao longo de cadeia produtiva.

Para o presidente do Simineral, José Fernando Gomes Júnior, o Pará, hoje, é o maior estado minerador do país. Ele acredita que o potencial do estado é enorme, para que possa se tornar um dos maiores centros mineradores não só do Brasil, mas do mundo. “Isso é um desafio que nos move todos os dias, que nos faz refletir e compreender que melhorar sempre é nosso caminho”, afirmou.

“Novas pesquisas, novas tecnologias, novas formas de produzir e de nos relacionarmos com as comunidades e com o meio ambiente, mas sempre com o compromisso maior de desenvolver o Estado, em parceria com o Governo do Estado do Pará para criar um ambiente de negócios para as empresas locais e com atração de investimentos”, avalia o presidente do Simineral, José Fernando Gomes Júnior.

Em relação à indústria de transformação mineral, a exportação foi liberada pela alunina, com US$ 845 milhões em negócios, seguida de alumínio, com US$ 214 milhões, o ferro gusa, com US$ 11 milhões.

Arrecadação

Em 2018, a arrecadação da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), foi de R$ 1,294 bilhão. Cidades como Parauapebas, Canaã dos Carajás e Marabá foram as que mais receberam royalties provenientes da indústria de mineração.

De acordo com o Simineral, até 2024 a indústria mineral pretende investir R$ 22,013 bilhões. Segundo o presidente, “outros R$18,863 bilhões serão investidos em infraestrutura, transformação mineral e outros negócios, como a produção de biodiesel”.

Além disso, novos projetos estão para serem anunciados, conforme conta presidente do Simineral, José Fernando Gomes Júnior em entrevista ao Portal Roma News. Assista!

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Oficina de dicção e oratória está com inscrições abertas em Belém
BORA LÁ, GALERA!

Oficina de dicção e oratória está com inscrições abertas em Belém

18/05/2019 22:56
Oficina de dicção e oratória está com inscrições abertas em Belém
Motorista morre em acidente de trânsito na avenida João Paulo II
ALTA VELOCIDADE

Motorista morre em acidente de trânsito na avenida João Paulo II

18/05/2019 22:10
Motorista morre em acidente de trânsito na avenida João Paulo II
Homem preso no Marajó seria o responsável em anotar a rotina do PM assassinado. Assista!
SEGUNDO A POLÍCIA

Homem preso no Marajó seria o responsável em anotar a rotina do PM assassinado. Assista!

18/05/2019 20:48
Homem preso no Marajó seria o responsável em anotar a rotina do PM assassinado. Assista!
Polícia apreende drogas e armas em ação de combate ao tráfico em Santana do Araguaia
OPERAÇÃO HEISEMBERG

Polícia apreende drogas e armas em ação de combate ao tráfico em Santana do Araguaia

18/05/2019 20:02
Polícia apreende drogas e armas em ação de combate ao tráfico em Santana do Araguaia
Piloto amigo da vítima afirma que motor do avião estourou na decolagem. Ouça a entrevista!
ACIDENTE FATAL

Piloto amigo da vítima afirma que motor do avião estourou na decolagem. Ouça a entrevista!

18/05/2019 15:34
Piloto amigo da vítima afirma que motor do avião estourou na decolagem. Ouça a entrevista!
Últimas Notícias