Dólar Comercial compra R$ 5,1007 venda R$ 5,1013 máxima 5,1279
Euro compra R$ 5,6822 venda R$ 5,6849 máxima 5,7004
29 Mar - 00h22
domingo, 29 de março de 2020
Basa Suspende Parcela
Basa Suspende Parcela - mobile
VIOLÊNCIA CONTRA MULHER

Delegacia da Mulher de Belém está sem psicóloga e sem assistente social

Contrato encerrou nesta quarta-feira, 12, sem previsão de novas nomeações

12 Set 2019 - 17h48Atualizado 13 Set 2019 - 16h20Por Da Redação
Violência contra mulher - Crédito: Pablo Valadares - Agência SenadoViolência contra mulher - Crédito: Pablo Valadares - Agência Senado

A Delegacia de Atendimento à Mulher de Belém está sem as principais profissionais de acolhimentos às vítimas de violência. Os contratos das assistentes sociais e psicólogas, que atuam no atendimento no local, através da Fundação Propaz, encerraram nesta quarta-feira, 12 e segundo informações do grupo que dispensado, não há sequer previsão de novas contratações pela administração estadual.

O grupo foi contratado em regime temporário de dois anos para atuar no atendimento prioritário às vítimas de violência. Pois, antes de qualquer atendimento policial, as mulheres precisam do acolhimento psicológico. Também é imprescindível à maioria das vítimas, o atendimento social realizado pelas assistentes, que se dividiam em dois turnos.

A grande preocupação dos agentes de segurança, que atendem às mulheres vitimizadas, é que nenhum Processo Seletivo Simplificado (PSS) - forma atual de contratação sem concurso público -, foi lançado pelo governo estadual para contratação de novas profissionais para suprir a Delegacia da Mulher na capital.

A equipe da delegacia já se queixava do atendimento já era deficitário,  já que a atuação das assistentes sociais e psicólogas ocorria em horário de expediente, causando uma grande lacuna, após as 17h, já que a Delegacia da Mulher atende 24h por dia.

No local havia um grupo de cinco psicólogas e seis assistentes sociais, atendendo às mulheres vítimas de violência sexual e todos os outros tipos de agressão à mulher. 

A Delegacia da Mulher atende de forma integrada e não pode atuar sem a equipe social e de psicólogas, já que na maioria das vezes, as vítimas são ajudadas pela equipe multidisciplinar.

Em nota, enviada à redação do Portal Roma News, a assessoria do Pará Paz afirma:

A Fundação ParáPaz informa que, atualmente, possui em seu quadro de servidores na Delegacia da Mulher, em Belém, três assistentes sociais e duas psicólogas, que atendem às vítimas que procuram por assistência, no horário de 8h às 18h.

Em relação ao término de contrato com profissionais que atuam na Delegacia, o mesmo só acabará no dia 19 de setembro e para duas profissionais. Entretanto, a Fundação já possuí um calendário de trabalho com outros profissionais que serão remanejados para assistir às vítimas na Delegacia da Mulher.

Um novo Processo Seletivo Simplificado (PSS) está na fase de instalação da comissão organizadora e em breve será lançado o edital para contratação de novos profissionais. A Fundação reforça que os atendimentos não serão comprometidos e seguem normalmente.

 

 

 

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia fecha 15 bares no interior do Pará por descumprirem decreto que proíbe aglomeração
DISPERSÃO

Polícia fecha 15 bares no interior do Pará por descumprirem decreto que proíbe aglomeração

28/03/2020 21:57
Polícia fecha 15 bares no interior do Pará por descumprirem decreto que proíbe aglomeração
Obras de hospitais de campanha começam na terça-feira em Belém, Santarém e Marabá
NOVAS AÇÕES

Obras de hospitais de campanha começam na terça-feira em Belém, Santarém e Marabá

28/03/2020 20:21
Obras de hospitais de campanha começam na terça-feira em Belém, Santarém e Marabá
Aeroporto de Belém será desinfectado neste domingo
COMBATE AO CORONAVÍRUS

Aeroporto de Belém será desinfectado neste domingo

28/03/2020 20:00
Aeroporto de Belém será desinfectado neste domingo
Professora e estudante do Pará ganham R$ 80 mil em programa para financiar projeto científico
DE MOJU

Professora e estudante do Pará ganham R$ 80 mil em programa para financiar projeto científico

28/03/2020 18:41
Professora e estudante do Pará ganham R$ 80 mil em programa para financiar projeto científico
Organizadores de carreata são ouvidos pela polícia e vão responder por dois crimes
EM BELÉM

Organizadores de carreata são ouvidos pela polícia e vão responder por dois crimes

28/03/2020 17:11
Organizadores de carreata são ouvidos pela polícia e vão responder por dois crimes
Últimas Notícias