Euro compra R$ 4,2969 venda R$ 4,2996 máxima 4,3423
Dólar Comercial compra R$ 3,7898 venda R$ 3,7903 máxima 3,8276
18 Mar - 16h47
segunda, 18 de março de 2019
Unique
AGRONEGÓCIO

Eleição da Faepa é marcada por acusações nesta quarta-feira

A disputa está marcada para terminar às 15h.

13 Mar 2019 - 12h10
Eleição da Faepa é marcada por acusações nesta quarta-feira -
Considerada um marco para a Federação da Agricultura do Pará (Faepa), nesta quarta-feira, 13, acontece a primeira eleição para presidente da casa. A eleição está em curso no prédio sede da Federação, que fica na travessa Doutor Moraes, no bairro de Nazaré, em Belém. 
 
De um lado a "Chapa 01", do atual vice-presidente da entidade, o produtor rural Luciano Guedes. Do outro a "Chapa 02", do atual presidente da Faepa, fazendeiro Carlos Xavier, que está no comando há 30 anos.
 
A eleição começou às 09h de hoje sob algumas acusações dos representantes da Chapa 1. Uma delas é que a Feapa considera 132 sindicatos cadastrados na entidade, no entanto, 55 delas estariam sendo reconhecidas de forma irregular, o que mudaria o resultado da eleição. A equipe do portal Roma News tentou conversar sobre o assunto com representantes da Chapa 2, mas eles não quiseram se manifestar sobre essa questão por orientação jurídica.
 
Assista a entrevista com os representantes:
 

Por causa da falta de prestação de contas da Faepa, que administra o fundo, Luciano Guedes entrou com denúncia no Ministério Público Estadual, Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará).
 
Também houve denúncia contra Carlos Xavier pela oposição na Justiça do Trabalho, denunciando que ele utilizou recursos da Faepa para lançar sua chapa para eleição que se realiza hoje. O evento foi realizado em fevereiro, em uma churrascaria da capital paraense, com a presença de parlamentares, do governador Helder Barbalho (MDB), sob o pretexto de entregar as propostas do setor agropecuário ao novo governo estadual, segundo Luciano Guedes.
 
Por outro lado, Luciano Guedes responde a várias denúncias de improbidade administrativa na justiça estadual e federal, referentes à época em que presidiu a Adepará (2014 a 2018).  As acusações são apontadas pela situação como o termômetro do candidato da oposição.
 
Xavier tentou barrar a chapa do opositor, o conselho eleitoral indeferiu a chapa de Luciano Guedes, mas ele conseguiu uma liminar na justiça, que garantiu sua participação na disputa, que ocorre hoje, em clima de guerra entre os pecuaristas paraenses.
 
Todos os pecuaristas filiados aos sindicatos rurais podem votar na eleição da Faepa, que vai escolher quem presidirá a entidade, que há 30 anos está sendo dirigida por Carlos Xavier. 
 
Em nota divulgada  ontem, 12, Carlos Xavier afirmou que somente vai responder as acusações de corrupção na entidade nos autos do processo judicial.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Água do Hospital Municipal de Breves não serve nem para usar no banheiro
CALAMIDADE

Água do Hospital Municipal de Breves não serve nem para usar no banheiro

há 34 minutos atrás
Água do Hospital Municipal de Breves não serve nem para usar no banheiro
Travessa Padre Eutíquio adotará sentido único
MUDANÇAS

Travessa Padre Eutíquio adotará sentido único

18/03/2019 14:49
Travessa Padre Eutíquio adotará sentido único
Agentes prisionais encontram detentos mortos na Central de Triagem da Cidade Nova
EM ANANINDEUA

Agentes prisionais encontram detentos mortos na Central de Triagem da Cidade Nova

18/03/2019 10:55
Agentes prisionais encontram detentos mortos na Central de Triagem da Cidade Nova
Mulher fica ferida ao levar golpes de facão em Oriximiná
FRIEZA

Mulher fica ferida ao levar golpes de facão em Oriximiná

18/03/2019 10:42
Mulher fica ferida ao levar golpes de facão em Oriximiná
Homem é preso com armas de fogo e droga em Tailândia
A CASA CAIU

Homem é preso com armas de fogo e droga em Tailândia

18/03/2019 10:22
Homem é preso com armas de fogo e droga em Tailândia
Últimas Notícias