Dólar Comercial compra R$ 5,379 venda R$ 5,3796 máxima 5,3824
Euro compra R$ 6,0654 venda R$ 6,0677 máxima 6,0697
08 Jul - 02h34
quarta, 08 de julho de 2020
Basa Sua Conta
Basa Sua Conta
FAKE NEWS

'A temperatura não vai chegar aos 40 graus em Belém', diz Inmet

03 Dez 2019 - 08h30Atualizado 03 Dez 2019 - 10h34
'A temperatura não vai chegar aos 40 graus em Belém', diz Inmet - Crédito: Reprodução Bloh Hotéis. Crédito: Reprodução Bloh Hotéis.

Notícias falsas sobre a temperatura de Belém durante o mês de dezembro começaram a circular nas redes sociais durante esta semana. Algumas mensagens chegaram a dizer que a temperatura iria chegar a 40° C em Belém, mas segundo o coordenador do 2º Distrito do Instituto Nacional de Meteorologia (2º Disme) do Inmet, José Raimundo Abreu, todas essas notícias não passam de fake News.

“Essas notícias do tempo que andam circulando são todas fakes ou invenção de alguém, eu mesmo desmenti várias durante essa semana, inclusive desmenti a informação de que haveria tempestade em dezembro. Cheguei a ler até que a temperatura de Belém chegaria aos 40° C, mas tudo não passa de boatos e mentiras. A temperatura de Belém, mesmo em outros períodos, nunca passou de 35° C em 2019”, diz o coordenador do Inmet.

Para checar como está a temperatura de Belém, o Inmet disponibiliza a previsão do tempo em sua página oficial na internet. Você pode conferir clicando aqui!

FAKE NEWS É CRIME?

O Brasil ainda não tem uma legislação específica para punir quem produz e compartilha notícias falsas ou sem embasamento (as chamadas fake news), mas isso não quer dizer que quem não checa a veracidade das informações compartilhadas está livre de ser responsabilizado.

Existem instrumentos legais para acionar produtores e divulgadores de fake news nas justiças civil e criminal. Para as eleições, especificamente, também existem parâmetros para enquadrar quem tenta prejudicar os candidatos.

No entanto, há uma brecha nessas legislações, já que não há punição para as notícias falsas que não ataquem diretamente a reputação de uma pessoa, partido ou coligação.

O Facebook hoje tem um mecanismo por meio do qual os próprios usuários podem denunciar postagens ou páginas ofensivas ou difamatórias. Mas, segundo o Marco Civil, ele só é obrigado a tirar o conteúdo do ar quando houver determinação judicial – o que ele faz além disso é por conta própria.

Assim, por exemplo, se existe uma publicação difamatória sobre uma celebridade circulando no Facebook, essa pessoa leva o caso à Justiça e o juiz determina que o Facebook tire a postagem do ar.

Se, além disso, a pessoa ofendida quiser uma indenização, é preciso recorrer à justiça criminal e alegar que houve calúnia, injúria ou difamação. A pena para esse tipo de crime varia de 3 meses a 3 anos (que, dependendo do caso, podem ser trocados por serviços à comunidade) e o pagamento de uma indenização.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Moradores de Algodoal bloqueiam o porto que dá acesso à ilha para pressionar a elaboração de protocolo para retomada de atividades em julho
VERANEIO

Moradores de Algodoal bloqueiam o porto que dá acesso à ilha para pressionar a elaboração de protocolo para retomada de atividades em julho

07/07/2020 22:00
Moradores de Algodoal bloqueiam o porto que dá acesso à ilha para pressionar a elaboração de protocolo para retomada de atividades em julho
Cinco bairros de Belém têm abastecimento de água interrompido na noite desta terça, 7
COSANPA

Cinco bairros de Belém têm abastecimento de água interrompido na noite desta terça, 7

07/07/2020 19:51
Cinco bairros de Belém têm abastecimento de água interrompido na noite desta terça, 7
Justiça suspende atividades não essenciais em Santana do Araguaia
ALERTA

Justiça suspende atividades não essenciais em Santana do Araguaia

07/07/2020 18:41
Justiça suspende atividades não essenciais em Santana do Araguaia
Aluno da UFPA está entre os dez destaques no Prêmio Universitário do Ano
FILHO DE BELÉM

Aluno da UFPA está entre os dez destaques no Prêmio Universitário do Ano

07/07/2020 18:19
Aluno da UFPA está entre os dez destaques no Prêmio Universitário do Ano
Sintepp assegura que não existe possibilidade de retorno às aulas presenciais
FALTA DE SEGURANÇA

Sintepp assegura que não existe possibilidade de retorno às aulas presenciais

07/07/2020 17:30
Sintepp assegura que não existe possibilidade de retorno às aulas presenciais
Últimas Notícias