Dólar Comercial compra R$ 5,345 venda R$ 5,347 máxima 5,346
Euro compra R$ 5,8806 venda R$ 5,8838 máxima 5,8835
27 Mai - 06h47
quarta, 27 de maio de 2020
XP Invest
Natura mobile
MOMENTO DE UNIÃO

Governo Federal e BNDES fazem parceria para desestatização de portos

22 Mai 2020 - 09h35Atualizado 22 Mai 2020 - 09h47
Governo Federal e BNDES fazem parceria para desestatização de portos - Crédito: ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL Crédito: ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL

O ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, e o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, afirmaram durante videoconferência que os estudos técnicos que serão realizados para viabilizar a desestatização de ativos rodoviários e portuários terão como foco a busca de maior competitividade e maior produtividade para a infraestrutura brasileira. 

Os contratos firmados recentemente entre as instituições visam a desestatização de mais de 7,2 mil quilômetros de rodovias federais e dos portos de Santos e São Sebastião, ambos em São Paulo.

Tarcísio Freitas comemorou a autorização do Tribunal de Contas da União (TCU) para a assinatura do contrato de renovação antecipada da malha paulista de ferrovias pelo Ministério da Infraestrutura e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A prorrogação deverá trazer para o Brasil, nos próximos cinco anos, investimentos de R$ 6 bilhões. “A prorrogação mostra um sinal de confiança da iniciativa privada com o futuro do Brasil”. A expectativa do ministro é que o contrato seja assinado já na próxima semana.

Em relação às rodovias que serão transferidas para a iniciativa privada após modelagem a ser definida pelo BNDES, o ministro destacou a importância de ser oferecido aos investidores, sobretudo estrangeiros, um portfólio de projetos extenso, “porque é isso que atrai investidores”, avaliou. “Estamos trabalhando muito a questão dos contratos. Estamos com contratos cada vez mais sofisticados, tratando uma série de riscos e trazendo esse estado da arte para as concessões.”

Tarcísio Freitas disse que, em relação ao Porto de Santos, já há investidores interessados nos projetos. Freitas revelou que o país caminha em direção ao cumprimento da meta, que é trazer investimentos de até R$ 250 bilhões para o Brasil nos próximos anos. Ele acredita que o BNDES vai ajudar muito o ministério nesta missão. “O papel do BNDES é fundamental”, comentou o ministro.

Fonte: Agência Brasil 

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o Whatsapp do Portal Roma News
(91) 99385-1113ou clique aqui e fale conosco

Deixe seu Comentário

Leia Também

Câmara aprova MP que aumenta salário mínimo para R$ 1.045
ECONOMIA

Câmara aprova MP que aumenta salário mínimo para R$ 1.045

há 7 horas atrás
Câmara aprova MP que aumenta salário mínimo para R$ 1.045
Rio passa de 40 mil casos e registra 4.361 mortes por causa do coronavírus
BALANÇO

Rio passa de 40 mil casos e registra 4.361 mortes por causa do coronavírus

há 8 horas atrás
Rio passa de 40 mil casos e registra 4.361 mortes por causa do coronavírus
Campanha de vacinação contra gripe atinge 62,7% do público-alvo
IMUNIZAÇÃO

Campanha de vacinação contra gripe atinge 62,7% do público-alvo

há 9 horas atrás
Campanha de vacinação contra gripe atinge 62,7% do público-alvo
Em queda, dólar fecha no menor valor em um mês com valor a R$ 5,33
COTAÇÃO

Em queda, dólar fecha no menor valor em um mês com valor a R$ 5,33

há 11 horas atrás
Em queda, dólar fecha no menor valor em um mês com valor a R$ 5,33
STF arquiva pedido contra Bolsonaro por falsidade ideológica
DECISÃO

STF arquiva pedido contra Bolsonaro por falsidade ideológica

há 11 horas atrás
STF arquiva pedido contra Bolsonaro por falsidade ideológica
Últimas Notícias